Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Toffoli diz que STF precisa ser ‘defendido’

Equipe BR Político

Em jantar realizado na noite de sexta-feira, 3, em São Paulo, o presidente do STF, ministro Dias Toffoli, disse que o Supremo precisa ser defendido de ataques e criticou a tentativa de integrantes da força-tarefa da Lava Jato de usar os R$ 2,5 bilhões ressarcidos no âmbito da investigação da Petrobrás para criar uma fundação própria. “Há quem diga que o STF não precisa ser defendido. Será que a democracia não precisa ser defendida? É preciso que defendamos diuturnamente as instituições responsáveis pelo Estado Democrático de Direito e pela democracia”, enfatizou.

Os participantes responderam afirmativamente à provocação de Toffoli. Pouco depois, o ministro criticou a tentativa da Lava Jato de usar os R$ 2,5 bilhões da Petrobrás para criar uma fundação. “O que não pode é querer ser dono do poder usando, inclusive, recursos para isso. Recursos devem voltar para os cofres da União. Isso tem até nome no Código Penal, mas não vou dizer o tipo”, apontou o presidente do STF. A tentativa de procuradores da Lava Jato de usar o dinheiro relativo à Petrobras foi barrada pelo ministro Alexandre de Moraes, informou o Estadão.

Tudo o que sabemos sobre:

Dias ToffolidefesaSTFjantar