Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Toffoli na Presidência

Equipe BR Político

“A posse de Toffoli não é uma substituição rotineira que acontece a cada dois anos no tribunal. Nos próximos cinco meses, haverá a troca total de comando nos três poderes da República. A chegada de Toffoli é a primeira. Cármen Lúcia sai agora; Michel Temer, em janeiro, e em fevereiro se escolhem os presidentes da Câmara e do Senado”, escreveu Eduardo Oinegue no Globo.

O articulista destaca que Dias Toffoli terá um árduo trabalho pela frente.Novo presidente poderá fazer como Cármen Lúcia, ou enfrentar o ativismo e o corporativismo. Fiquemos de olho em qual será sua opção de atuação.

Tudo o que sabemos sobre:

STFDias Toffoli