Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Trump responde críticas de antecessor com ‘Obamagate’

Equipe BR Político

Exclusivo para assinantes

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, publicou no domingo, 10, um dossiê de ataques a Barack Obama após seu antecessor criticar sua gestão. No sábado, 9, o democrata classificou a resposta da Casa Branca ao novo coronavírus como “desastre absolutamente caótico”, em declaração dada durante uma conversa online com ex-funcionários. 

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump Foto: Oliver Contreras/EFE

Um dia depois, Trump publicou um tuíte com o escrito “OBAMAGATE”, sem dar mais detalhes, seguido de publicações que inferem que a gestão de Obama teria tentado incriminar Trump depois de sua eleição em 2016 nas investigações do FBI sobre a interferência russa na campanha presidencial americana. Entre as publicações compartilhadas por Trump estão matérias de sites de direita e com credibilidade questionada nos Estados Unidos, como a de um portal chamado Daily Caller intitulada “Advogado de Flynn diz que Obama fazia parte da conspiração para prender ex-conselheiro de Segurança Nacional”.

A mesma estratégia é estimada também pelo presidente Jair Bolsonaro, que adota o comportamento como praxe em ataques a membros dos outros Poderes da República, adversários políticos e a imprensa no lugar de esclarecer acusações. Geralmente com ajuda de seu exército nas redes sociais, a cartilha bolsolavista foi aplicada recentemente contra o ex-ministro Sérgio Moro depois das acusações de que Bolsonaro tentara interferir politicamente na Polícia Federal. / Roberta Vassallo