Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

TSE autoriza live de Caetano para arrecadar verba para Manuela D’Ávila e Boulos

Cassia Miranda

Exclusivo para assinantes

Po 6 votos a 1, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) decidiu liberar nesta quinta-feira, 5, a realização de live do cantor Caetano Veloso para arrecadar fundos para a campanha da candidata do PCdoB à prefeitura de Porto Alegre, Manuela D’Ávila (PCdoB), e para o candidato do PSOL à Prefeitura de São Paulo, Guilherme Boulos. Como você leu no BRP, a livemício havia sido proibida pelo Tribunal Regional Eleitoral do Rio Grande do Sul (TRE-RS) e pelo juiz da 161ª Zona Eleitoral, Leandro Figueira Martins.

O cantor Caetano Veloso em show na capital paulista em 2017. Foto: Werther Santana/Estadão

O relator do caso no TSE, ministro Luis Felipe Salomão, entendeu que a Justiça Eleitoral não pode proibir previamente o evento e que “é permitido a candidatos e legendas comercializarem bens ou serviços, ou, ainda, promoverem eventos de arrecadação de recursos para a campanha”.

Pelo Twitter, Manuela comemorou a decisão da corte eleitoral. “Vitória da liberdade de expressão!”, escreveu a candidata. Boulos também usou a rede social para celebrar o resultado do julgamento: “Vitória da democracia”, escreveu.