Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

UE defende nova eleição na Venezuela

Equipe BR Político

Após líderes da Espanha, a França, a Alemanha e a Grã-Bretanha declararem individualmente que fixaram um prazo de oito dias para o governo de Nicolás Maduro convocar novas eleições na Venezuela, agora foi a vez da União Europeia pedir um novo pleito.

A chefe de política externa do bloco, Federica Mogherini, disse em um comunicado neste sábado, 26, que “na ausência de um anúncio sobre a organização de novas eleições com as garantias necessárias nos próximos dias, a UE tomará novas medidas, inclusive sobre a questão do reconhecimento da liderança do país”.

Tudo o que sabemos sobre:

Venezuela