Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

‘Um tiro no peito da Controladoria’, diz vereador sobre ‘jabuti’ aprovado em SP

Equipe BR Político

Exclusivo para assinantes

O confinamento social na política tem produzido efeitos como o que o Estadão reporta neste sábado: os vereadores de São Paulo introduziram um “jabuti” no projeto de lei de ajuda financeira ao município que retira poderes da Controladoria-Geral, dando a servidores alvo de investigação por irregularidade uma instância a mais de recurso antes de eventual punição. A instância é formada por secretários municipais, criando uma etapa política no processo administrativo. “Nesse momento em que haverá tantas compras sem licitação, esse é um tiro no peito da Controladoria”, disse o vereador Gilberto Natalini (PV). O “jabuti” é uma emenda alheia ao projeto original. Ela foi aprovada na Câmara Municipal e apresentada pelo presidente da Casa, Eduardo Tuma (PSDB).

Ele justificou assim sua ideia: “É importante assegurar no futuro que, caso haja questionamentos relacionados a estas medidas, os gestores tenham direito a mais ampla defesa e ao contraditório pleno”.