Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

União da esquerda é passageira ou pode durar até 22?

Marcelo de Moraes

Exclusivo para assinantes

Lula, do PT, pede votos para Guilherme Boulos, do PSOL. Ciro Gomes, do PDT, dá apoio para Manuela D’ávila, do PCdoB, o que também foi feito por Marina Silva, da Rede. Camilo Santana, do PT, defende votação em José Sarto, do PDT. Com essas movimentações de segundo turno é possível imaginar que, depois de tanta brigalhada, a esquerda conseguiu se aproximar de um entendimento?

O ex-presidente Lula

O ex-presidente Lula Foto: Fernando Bizerra/EFE

Pontualmente sim. Estruturalmente, essa realidade ainda está distante de acontecer. Com dez candidatos nas disputas de segundo turno, os principais líderes da esquerda perceberam que somente a união nesses pleitos poderá evitar que a esquerda saia enfraquecida. Além disso, a possibilidade de vencer em São Paulo ou Porto Alegre ajudaria a esquerda como um todo e não apenas o partido do candidato envolvido nessa disputa.

Dito isso, a circunstância política das disputas de segundo turno ajuda a haver essa unificação pontual. Especialmente, em relação a tentar frear adversários do campo mais conservador e os aliados de Jair Bolsonaro. Mas ainda há arestas demais a aparar. Por exemplo, a disputa em Recife é vista como a principal para o comando do PSB, que tem em Pernambuco seu principal núcleo de poder. E a disputa entre João Campos contra a petista Marília Arraes acirra ainda mais o clima entre os partidos.

Ciro Gomes também está longe de se alinhar com o PT. Mesmo tendo voltado a falar com Lula, suas declarações seguem beligerantes – embora, é verdade, seu foco hoje seja Bolsonaro.

Mas se um início de acordo começar a acontecer será um movimento muito importante para 2022. Separadas, as esquerdas representam pouco no xadrez eleitoral. Vide a disputa do Rio, onde PT e PDT lançaram candidatos e facilitaram a ida de Marcelo Crivella para o segundo turno contra Eduardo Paes.

Tudo o que sabemos sobre:

Esquerda