Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Vacina de Oxford teve resultado positivo nas fases 1 e 2 de testes

Equipe BR Político

Exclusivo para assinantes

A vacina contra coronavírus desenvolvida na Universidade de Oxford, em fase de testes inclusive no Brasil, produziu resposta imune e se mostrou segura nos ensaios clínicos iniciais, informaram cientistas da instituição nesta segunda-feira, 20. O estudo, publicado na revista médica The Lancet, se refere às fases 1 e 2 de testes. No momento, a terceira fase ocorre com testes em 50 mil pessoas no mundo. 

Foto: Eric Gaillard/Reuters

O principal autor do estudo, Andrew Pollard, afirmou, no entanto, que ainda são necessárias mais pesquisas. “Precisamos de mais pesquisas antes de confirmarmos que a vacina protege efetivamente contra a infecção por SARS-CoV-2 e por quanto tempo dura a proteção”, explicou.

Na manhã desta segunda também foi anunciado que uma vacina chinesa contra a covid-19 mostrou resultados seguros e resposta imunológica nos cerca de 500 voluntários testados. A vacina é desenvolvida pela CanSino Biologics e não é a mesma que começa a ser testada amanhã no Brasil e também entra na terceira fase.

Tudo o que sabemos sobre:

vacinacoronavírusOxford