Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Villas Bôas manda recado às vésperas de STF julgar 2ª instância

Equipe BR Político

Às vésperas do início do julgamento que decidirá pelo mérito da prisão após condenação em segunda instância, o ex-comandante do Exército brasileiro, general Eduardo Villas Bôas, postou em seu Twitter uma mensagem enigmática, mas com aparente endereço definido. De modo semelhante ao que fez quando o Supremo julgou um habeas corpus do ex-presidente Lula, Villas Bôas pediu a manutenção da “energia” que move o País em direção a “paz social” para evitar uma “convulsão social”.

Em abril de 2018, às vésperas da Corte se reunir para julgar um HC de Lula, o general escreveu: “Nessa situação que vive o Brasil, resta perguntar às instituições e ao povo quem realmente está pensando no bem do país e das gerações futuras e quem está preocupado apenas com interesses pessoais?” Posteriormente, em entrevista para a Folha, ele admitiu que pretendia “intervir” caso o STF soltasse Lula. Na tarde desta quarta-feira, o general recebeu uma visita de Jair Bolsonaro. Oficialmente, a visita foi de cortesia após o militar receber alta do hospital, já que ficou internado quase por uma semana por conta de um problema respiratório.

Tudo o que sabemos sobre:

Eduardo Villas BôasSTF