Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Witzel recorre ao STF contra afastamento

Equipe BR Político

Exclusivo para assinantes

Três dias após ser afastado do governo estadual do Rio de Janeiro, Wilson Witzel (PSC) entrou nesta segunda, 31, com recurso no Supremo Tribunal Federal (STF) para tentar reverter a medida determinada no âmbito da Operação Tris in Idem. A ação está sob relatoria o presidente da Corte, ministro Dias Toffoli.

Governador do Rio de Janeiro, Wilson Witzel (PSC).

Wilson Witzel (PSC). Foto: Tânia Rêgo/Agência Brasil

A defesa de Witzel contesta a decisão monocrática do ministro Benedito Gonçalves, do Superior Tribunal de Justiça (STJ), que considerou adequada a perda de mandato por seis meses “para fazer cessar as supostas atividades de corrupção e lavagem de dinheiro” denunciadas pelo Ministério Público Federal (MPF). A Procuradoria chegou a pedir a prisão do mandatário, negada por Gonçalves.

O governador afastado é acusado de receber propinas, supostamente lavadas pelo escritório de sua mulher, Helena Witzel, para beneficiar organizações sociais em contratações do Estado, de acordo com o Blog do Fausto.

 

 

Tudo o que sabemos sobre:

Wilson WitzelSTFRio de JaneiroAfastado